quarta-feira, 30 de novembro de 2011

TUDO POR AMOR AO CINEMA



TUDO POR AMOR AO CINEMA, doc longa-metragem, 90', Rot. e Dir. Aurélio Michiles.
 
Produção: Aurora Filmes, Olhar Imaginário e Imagem Céuvagem.
Lançamento previsto: segundo semestre 2013.

O projeto ganhou o edital
Programa de Fomento Cinema Paulista 2011 - Secretaria de Cultura Estado SP com R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais), já havia sido selecionado pelo programa Petrobras Cultural, 2008/2009.

Já filmamos em Salvador, Rio de Janeiro (1a.parte), São Paulo, Mossoró, Brasília, Manaus (1a.parte).


Agora a equipe viaja (01 a 11 dezembro) para Havana-Cuba, aí registrará o legado deixado por Cosme, por exemplo, a criação da Escola Internacional de Cinema e TV - San Antonio de los Baños.


Cosme Alves Netto (1938-1996), amazonense nascido em Manaus,
foi uma das mais importantes personalidades do cinema brasileiro e da cultura nacional, por sua atuação na descoberta (foi um dos responsáveis por trazer a luz da contemporaneidade a existência do pioneiro Silvino Santos), recuperação e conservação de filmes brasileiros de todas as épocas, pela influência na produção de filmes de longa-metragem e de curta metragem, documentários; pelo papel de liderança e coordenação que exerceu em movimentos destinados ao fortalecimento do cinema do País, pelo intercâmbio que, com sua ação fecunda, promoveu entre o cinema brasileiro e as cinematografias de vários continentes; pelo otimismo com que sempre defendeu as suas convicções firmes no campo cultural e no campo politico.

E por isso, por duas vezes, foi preso e torturado durante o período da Ditadura.

Cosme foi curador por 40 anos da Cinemateca MAM-RJ; foi programador (c/ Fabiano Canosa) do lendário "Cine Paissandu" quando este, através de exibição de filmes marginalizados pelos circuitos tradicionais, familiarizou milhares de jovens com o cinema europeu, sobretudo a "nouvelle vague" francês, cinema japonês, sueco, italiano, tcheco, polonês, russo e latino-americano.

Disseminou pelo Brasil o movimento cine-clubismo, e que graças a isso pode formar-se no País uma geração de cineastas que fecundariam o cinema brasileiro com as idéias de um novo cinema - Cinema Novo, o Cinema Novo do Brasil, como passou a ser conhecido no exterior.

Nenhum comentário:

"Livre-pensar é só pensar"

www.tudoporamoraocinema.com.br

Minha foto
Nasceu em Manaus-AM. Cursou o Instituto de Artes e Arquitetura-UnB(73). Artes Cênicas - Parque Lage,RJ(77/78). Trabalha há mais de vinte anos em projetos autorais,dirigindo filmes documentários: "TUDO POR AMOR AO CINEMA" (2014),"O Cineasta da Selva"(97),"Via Látex, brasiliensis"(2013), "Encontro dos Sabores-no Rio Negro"(08),"Higienópolis"(06),"Que Viva Glauber!"(91),"Guaraná, Olho de Gente"(82),"A Arvore da Fortuna"(92),"A Agonia do Mogno" (92), "Lina Bo Bardi"(93),"Davi contra Golias"(94), "O Brasil Grande e os Índios Gigantes"(95),"O Sangue da Terra"(83),"Arquitetura do Lugar"(2000),"Teatro Amazonas"(02),"Gráfica Utópica"(03), "O Sangue da Terra" (1983/84), "Guaraná, Olho de Gente" (1981-1982), "Via Láctea, Dialética - do Terceiro Mundo Para o Terceiro Milênio" (1981) entre outros. Saiba mais: "O Cinema da Retomada", Lucia Nagib-Editora 34, 2002. "Memórias Inapagáveis - Um olhar histórico no Acervo Videobrasil/ Unerasable Memories - A historic Look at the Videobrasil Collection"-Org.: Agustín Pérez Rubío. Ed. Sesc São Paulo: Videobrasil, SP, 2014, pág.: 140-151 by Cristiana Tejo.