terça-feira, 19 de abril de 2016

IMAGEM DO ESTADO NOVO 1937- 45 de Eduardo Escorel

Depois de assistir muitos filmes no Festival É Tudo Verdade/It's All True, finalmente, ontem, chegou a vez de "Imagem do Estado Novo 1937-45" de Eduardo Escorel, foram 227 minutos de sessão numa viagem sem volta ao Brasil que nós suspeitamos existir, mas que infelizmente ignoramos. 

O filme é narrado pelo próprio Escorel, trechos dos diários de Getulio Vargas e com imagens contundentes daquele período (Que imagens! Que pesquisa iconográfica!). 



Fiquei, ali, diante daquele "afresco-muralista" maravilhado e pensando no filme "Terra em Transe" (67), aliás, é Escorel quem assina a montagem deste filme de Glauber Rocha. 

"Imagem do Estado Novo", é sem dúvida, um necessário filme-doc a ser exibido em todos os lugares possíveis para que mais pessoas possam ter a oportunidade em se olhar no espelho da nossa história, a sensação que todos aqueles conflitos - luta pelo poder - revelados neste filme, continuam atuais, não é mera ficção, mas real, a nossa história - a Historia do Brasil...É uma ciranda de ambições, manipulações, mentiras, acordos e traições.



"Porfirio Diaz - O poder... Paulo, tudo é ilusão, exceto o poder!" (Terra Em Transe-1967)

Nenhum comentário:

"Livre-pensar é só pensar"

www.tudoporamoraocinema.com.br

Minha foto
Nasceu em Manaus-AM. Cursou o Instituto de Artes e Arquitetura-UnB(73). Artes Cênicas - Parque Lage,RJ(77/78). Trabalha há mais de vinte anos em projetos autorais,dirigindo filmes documentários: "TUDO POR AMOR AO CINEMA" (2014),"O Cineasta da Selva"(97),"Via Látex, brasiliensis"(2013), "Encontro dos Sabores-no Rio Negro"(08),"Higienópolis"(06),"Que Viva Glauber!"(91),"Guaraná, Olho de Gente"(82),"A Arvore da Fortuna"(92),"A Agonia do Mogno" (92), "Lina Bo Bardi"(93),"Davi contra Golias"(94), "O Brasil Grande e os Índios Gigantes"(95),"O Sangue da Terra"(83),"Arquitetura do Lugar"(2000),"Teatro Amazonas"(02),"Gráfica Utópica"(03), "O Sangue da Terra" (1983/84), "Guaraná, Olho de Gente" (1981-1982), "Via Láctea, Dialética - do Terceiro Mundo Para o Terceiro Milênio" (1981) entre outros. Saiba mais: "O Cinema da Retomada", Lucia Nagib-Editora 34, 2002. "Memórias Inapagáveis - Um olhar histórico no Acervo Videobrasil/ Unerasable Memories - A historic Look at the Videobrasil Collection"-Org.: Agustín Pérez Rubío. Ed. Sesc São Paulo: Videobrasil, SP, 2014, pág.: 140-151 by Cristiana Tejo.