domingo, 8 de julho de 2018

"BRASIL MOSTRA TUA CARA, QUAL É O TEU NEGÓCIO?"


Que o Brasil tenha sido derrotado e saído do Campeonato Mundial de Futebol faz parte do jogo. 

Alguém ganha...alguém perde. 

Mas, continuo pasmo com a vaia dos torcedores brasileiros no final do jogo e a reação da seleção em não cumprimenta-los. Com fizeram todas as outras seleções: Portugal, Argentina, Uruguai, Alemanha, Nigeria, Senegal, Japão... 

Isso só revela a verdadeira consciência de "pátria" que se tem quando o apoio é superficial. 

No Brasil o futebol sempre foi a única porta prum menino(a) rejeitado pela nação se tornar alguma coisa que esta mesma nação respeite, sim, desde que o "ex-rejeitado" esqueça o passado miserável e demostre somente o deslumbramento pela riqueza. 

Tanto a atitude dos torcedores brasileiros em Kazan como a indiferença da seleção em sauda-los, demostrou o quanto aquela gente não tem nenhum compromisso com a realidade do país, apenas com a "self".

Esta é a pior derrota e por ela temos sido goleados à cada dia. É o nosso permanente 7 X 1.

- Até quando?





Nenhum comentário:

"Livre-pensar é só pensar"

www.tudoporamoraocinema.com.br

Minha foto
Nasceu em Manaus-AM. Cursou o Instituto de Artes e Arquitetura-UnB(73). Artes Cênicas - Parque Lage,RJ(77/78). Trabalha há mais de vinte anos em projetos autorais,dirigindo filmes documentários: "TUDO POR AMOR AO CINEMA" (2014),"O Cineasta da Selva"(97),"Via Látex, brasiliensis"(2013), "Encontro dos Sabores-no Rio Negro"(08),"Higienópolis"(06),"Que Viva Glauber!"(91),"Guaraná, Olho de Gente"(82),"A Arvore da Fortuna"(92),"A Agonia do Mogno" (92), "Lina Bo Bardi"(93),"Davi contra Golias"(94), "O Brasil Grande e os Índios Gigantes"(95),"O Sangue da Terra"(83),"Arquitetura do Lugar"(2000),"Teatro Amazonas"(02),"Gráfica Utópica"(03), "O Sangue da Terra" (1983/84), "Guaraná, Olho de Gente" (1981-1982), "Via Láctea, Dialética - do Terceiro Mundo Para o Terceiro Milênio" (1981) entre outros. Saiba mais: "O Cinema da Retomada", Lucia Nagib-Editora 34, 2002. "Memórias Inapagáveis - Um olhar histórico no Acervo Videobrasil/ Unerasable Memories - A historic Look at the Videobrasil Collection"-Org.: Agustín Pérez Rubío. Ed. Sesc São Paulo: Videobrasil, SP, 2014, pág.: 140-151 by Cristiana Tejo.